fbpx

Organizar os pensamentos parece uma tarefa difícil num mundo onde somos estimulados freneticamente ao longo do dia por fatores externos e, ao mesmo tempo, nosso cérebro opera ínumeras sinapses.

Com alunos e professores, a organização é, além de difícil, necessária, devido à demanda de conteúdos necessários para aprender . A falta de um meio que organize nossos pensamentos e ideias pode nos levar ao estresse, confusão mental e fracasso no aprendizado.

Uma alternativa para driblar a desorganização mental é utilizando mapas mentais, para que você e seus alunos possam atingir todo o seu potencial na absorção de conteúdos.

Mas primeiro: o que são mapas mentais?

Créditos: Thais Godinho (VidaOrganizada.com)

Créditos: Thais Godinho (VidaOrganizada.com)

Em meados de 1970, o psicólogo inglês Tony Buzan criou os Mapas Mentais (Mind Maps)  para facilitar a aprendizagem e memorização por meio do encadeamento não-linear de informações, motivado pela necessidade de aprender de outra forma que não fosse a tradicional organização por meio de anotações linha por linha.

Um mapa mental é um diagrama elaborado para representar ideias, tarefas ou outros conceitos que se encontram relacionados com uma palavra-chave ou uma ideia central através de linhas, relacionando as informações em seu redor.

Sua função, além de uma melhor organização de ideias, é visualizá-las e classificá-las melhor, ajudando o indivíduo a tomar decisões, estudar e escrever melhor.

Benefícios e vantagens do mapa mental

De acordo com o coach Flavio Souza, existem mais de 20 vantagens na utilização de mapas mentais, que você pode conferir aqui. No nosso post, vamos destacar os principais benefícios para alunos e professores:

  • Materiais

1.  Redução significativa do volume físico de papel relativo a notas e material de estudo.

2. Redução significativa do tempo de planejamento, elaboração e revisão de tarefas escritas e preparação de apresentações.

3. Facilidade para reestruturar qualquer grupo de informação interligada.

4. Em geral, possibilitam um aumento da produtividade e da competência.

  • Intelectuais

1. Facilitam a memorização e a lembrança por serem organizados, conter imagens e somente idéias essenciais.

2.  Desenvolvem a busca e a percepção de múltiplos aspectos do um assunto ou situação.

3. Estimulam a visão de uma ideia em um contexto mais amplo, ao invés de isolada, proporcionando uma compreensão mais abrangente.

Benefícios para times, grupos e turmas:

1. Facilitam a coordenação dos  integrantes por meio de melhor e mais fácil divisão de tarefas, aumentando a probabilidade de que as metas do  grupo sejam atingidas.

2. Facilitam a comunicação em grupos, dando um foco de concordância ou divergência e colocando todas as contribuições em um contexto.

3. Facilitam o compartilhamento de conhecimento, pela distribuição de mapas mentais.

Agora que você já sabe o que é um mapa mental, como ele foi criado e quais são seus benefícios, veja 5 plataformas de mapas mentais disponíveis online, para os alunos estudarem pelo computador e tablet e para os professores utilizarem nas salas de aula:

Ferramentas digitais para criar mapas mentais

 

1. MindMup

mind mup

O MindMup é altamente simples e possui inúmeras formas de compartilhamento e publicação de mapas. Seu visual clean permite que os mapas deslizem pela tela e a plataforma pode ser agregada às ferramentas do Google Drive, podendo também contar com a colaboração de várias pessoas em um só mapa. O serviço é gratuito. Pode ser acessado em iPads e computadores.

2. ExamTime

exam time

O ExamTime possui um visual limpo, gratuito e fácil de manusear. Pode ser acessado em tablets, celulares e computadores, além de possuir uma variedade de cores e a possibilidade de ser inserido em sites e blogs e convertido em PDF.

3. Coggle 

Coggle_Document

O Coggle divide por cores a cadeia hierárquica de informações, além de permitir que colaboradores acessem um mesmo mapa para trabalharem juntos. Como diferencial, o Coggle permite que o usuário adicione imagens em seus mapas e disponibiliza um histórico de alterações, possibilitando o rastreamento nas mudanças ocorridas durante a feitura do mapa.

4. Wise Mapping

WiseMapping

Wise Mapping é simples e rápido, garantindo um manejo fácil na hora de criar os mapas no site. É fácil de publicar onde você quiser e possui inúmeras formas de compartilhamento, facilitando a disseminação do conhecimento para várias pessoas ao redor do mundo.

5. Mindomo

mindomo 1

Mindomo é um app que cria mapas mentais de forma personalizada, em português e possui versões grátis e pacotes pagos. Pode ser acessado em todas as plataformas: Linux, Windows, Mac, Ipads, Tablets e celulares com sistema Andoid.

3 dicas de como usar mapas mentais na sala de aula:

Revisões

Um mapa mental ligando os conhecimentos pode servir como uma ótima revisão dos temas tratados em sala de aula, pois relembra as palavras-chaves do conteúdo e reforça os pontos mais importantes ligados à elas.

Atividades extras

Explore a vontade de saber com uma atividade extra, valendo pontos ou não, onde o aluno vai criar seu próprio mapa mental para provar o que aprendeu naquela aula. Pode acontecer também uma competição, onde quem fez o mapa mais elaborado é o vencedor.

Aguçando a criatividade

Numa sala de aula nova, você pode pedir que os alunos criem mapas onde as palavras chaves são os seus interesses com aquela disciplina. O que ele espera aprender? Como quer aprender? Permita que eles abusem de cores e desenhos para a criatividade aflorar ainda mais.

E você, está pronto para utilizar mapas mentais na sua sala de aula?